Capitão indígena morre em acidente na MS-156

O caso foi registrado pela Polícia Civil.

O capitão indígena Francisco Gonçalves, 46, morreu após cair em barranco às margens da MS-156, no município de Juti. A vítima estava a bordo de um Fiat Uno, cor azul com placas de Juti, e teria perdido o controle da direção ao passar por uma curva. 

Segundo informações, na noite de ontem (11) Francisco voltava para casa na Aldeia Taquara, onde exercia título de capitão. A via que ele trafegava também é conhecida como Estrada de Porto Cambira. 

Ao passar por uma curva o motorista perdeu o controle, saiu da pista e caiu numa ribanceira. O Corpo de Bombeiros foi acionado e ao chegar no local já encontrou Francisco sem vida. 

O caso foi registrado pela Polícia Civil.

COMENTARIOS

LO ULTIMO

MS registra mais de mil novos casos de dengue e Dourados tem nova morte confirmada

A doença já fez 24 vítimas fatais, neste ano, em Mato Grosso do Sul. Destas, oito foram em Campo Grande, sete em Dourados, três em Três Lagoas e Maracajú, Ponta Porã, Corumbá, Costa Rica, Coxim e Amambai registram uma morte pela doença cada.

Prefeito Hélio entregará meio milhão em equipamentos para as escolas municipais

Entre os materiais estão computadores, televisores, ar condicionado, geladeiras e outros ítens

Piden prisión domiciliaria a supuesto miembro del PCC, en Pedro Juan

Con fuerte dispositivo policial en el Palacio de Justicia y dentro de la sala de juicios orales se llevó a cabo la audiencia de revisión de medidas para el sindicado por los investigadores como miembro del PCC y detenido en Pedro Juan Caballero, David Timoteo Ferreira, Su abogado el polémico Néstor Echeverria, pidió que el brasileño sea beneficiado con la prisión domiciliaria.

Dupla é presa com maconha que seria vendida em MG

O caso foi apresentado Delegacia de Polícia Civil em Maracaju.

Detran notifica proprietários de veículos apreendidos e promove operação

Já estão em atividades, leiloeiros nas cidades de Três Lagoas, Nova Andradina, Sonora, Corumbá, Chapadão do Sul e Ponta Porã.

Mãe escuta grito e flagra idoso estuprando filha de 7 anos

O Conselho Tutelar também foi acionado para acompanhar a ocorrência e garantir todo o suporte para a vítima.